Natursteinmosaik Marmormosiak Mosaik Rund Beige Naola

Informações de produto "Natursteinmosaik Marmormosiak Mosaik Rund Beige Naola"
Das Natursteinmosaik Marmormosaik Rund Beige Naola ist ein wunderschöner Wandbelag, der aus hochwertigem Naturstein gefertigt ist.
Das Mosaik besteht aus einer harmonischen Mischung von verschiedenen Beigetönen und hat eine runde Form, die dem Raum eine einzigartige Note verleiht.
Es eignet sich ideal für die Gestaltung von auffälligen und ansprechenden Muster- und Akzentwänden in verschiedenen Räumen wie Badezimmer, Küchen oder Wohnräumen.
Anwendungsgebiet: Außenbereich, Boden, Feucht- und Nassräume, Innenbereich, Wand
Ausführung: Mosaikfliese
Form: Rund
Fugenbreite: ca. 2 mm
Fußbodenheizung Geeignet: Ja
Grundfarbe: Beige, Braun, Marmoriert, Weiss
Kategorie: Naturstein Mosaik
Largura do tapete: 30 cm
Lieferumfang: 1 Matte (0,09qm)
Material: Naturstein
Mattenlänge: 30 cm
Oberfläche: Matt
Produktstärke: ca. 8 mm

DAS KÖNNTE SIE INTERESSIEREN

Adesivo para azulejos e ladrilhos da Kiesel Servofix KM-F Plus 25kg
Prod.-Nr.: BEN10018
Adesivo para azulejos para uso interior, em paredes e pavimentos  DESCRIÇÃO Argamassa fina de cimento flexível, estável, modificada com polímeros, de acordo com a norma EN 12 004 C2 TE, para o assentamento de ladrilhos e placas de cerâmica, grés fino, ladrilhos bipartidos, ladrilhos de clínquer para pavimentos e ladrilhos de clínquer sobre suportes resistentes, tais como betão in situ (mín. 6 meses), placas de fibra de gesso, placas de gesso cartonado, betonilhas aquecidas (respeitar as normas e as fichas técnicas relevantes), bem como rebocos de cimento e de cal-cimento.Em combinação com os produtos de impermeabilização abaixo indicados, estão disponíveis "Certificados de ensaio da Inspeção Geral de Edifícios", emitidos pelo Instituto Oficial de Ensaios de Materiais de Braunschweig.Número do certificado de ensaio:Okamul DF: P-AB 044-03Servoflex DMS 1K Plus SuperTec: P-AB 045-03 testado de acordo com a norma EN 12 004 C2 TE elevado rendimento no aquecimento por piso radiante também para grés porcelânico de interior para uso interior e exterior flexível PREPARAÇÃO DO SUPORTE O suporte deve estar pronto para ser revestido, limpo, resistente e dimensionalmente estável. Para utilização em interiores, prepara os suportes absorventes com Okamul GG, Okamu SP ou Okatmos® UG 30 . Em betonilhas de sulfato de cálcio, aguarda pelo menos 24 horas de secagem. Pré-revestir os substratos não absorventes com Okatmos® UG 30 . Exterior Preparar os substratos minerais com Okatmos® UG 30 ou aplicar uma camada de contacto com argamassa adesiva e deixar endurecer. APLICAÇÃO Mistura o Servofix KM-F Plus com água limpa até ficar sem grumos. Em seguida, aplicar sobre o suporte com a espátula de pente adequada (ver tabela) e empurrar o material a instalar para o leito de cola e pressionar durante cerca de 30 minutos. Dependendo da absorção do substrato/revestimento, as correcções podem ainda ser feitas em cerca de 25 minutos. CONSUMO Profundidade dos dentes da espátula de pente  Consumo (pó)   3 mm (TKB C3) aprox. 1,2 kg/m² 4 mm (TKB C1) aprox. 1,5 kg/m² 6 mm (TKB C2) aprox. 2,3 kg/m² 8 mm (TKB C4) aprox. 2,8 kg/m² 10 mm (TKB C5) aprox. 3,5 kg/m² por mm de espessura de camada aprox. 1,5 kg/m² O consumo depende, entre outros factores, do estado do substrato  Folha de dados técnicos em pdf CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS

Conteúdo: 25 kg (1,36 €* / 1 kg)

33,90 €*
Adesivo para azulejos e ladrilhos da Kiesel Servoflex MDM 20kg
Prod.-Nr.: BEN10027
Adesivo para azulejos para uso interior e exterior, em paredes e pavimentos, argamassa adesiva rápida e flexível  DESCRIÇÃO Argamassa cimentícia de média e grande espessura, modificada com polímeros, para espessuras de aplicação até 30 mm, em interiores e exteriores.Servoflex MDM é especialmente indicado para o assentamento de revestimentos cerâmicos de grande formato, grés fino e revestimentos de pedra natural correspondentes, em métodos de camada fina, média e grossa, sobre suportes dimensionalmente estáveis (por exemplo, cimento ou betão) e condicionalmente deformáveis, como, por exemplo, betonilhas aquecidas (respeitar as normas e fichas técnicas relevantes), betão in situ (min. 3,5 mm) e grés porcelânico.A elevada capacidade de ligação da água cristalina do Servoflex MDM evita a descoloração causada pelo material de assentamento em trabalhos com pedra natural.Também é adequado para pedra natural cristalina quando se utiliza o método combinado (buttering-floating). para uso interior e exterior especialmente para o assentamento de revestimentos de pedra natural, de cotto e de blocos de betão elevado rendimento endurecimento e secagem rápidos pode ser pisado após cerca de 3 horas espessura de camada até 30 mm adequado para grés e grés porcelânico PREPARAÇÃO DO SUPORTE O substrato deve estar pronto para ser revestido, limpo e com capacidade de carga. Ao aplicar sobre substratos que ainda estão a encolher, limita as dimensões do campo, organizando juntas de movimento.Prepara os substratos absorventes com Okatmos® DSG, Okamul GG ou Okatmos® UG 30. Se for necessária uma espessura de camada superior a 5 mm em betonilhas de sulfato de cálcio, aplicar rapidamente o primário com Okatmos® DSG, Okapox GF ou Okamul PU-V. Em betonilhas de asfalto mastique, a espessura máxima da camada é sempre de 5 mm.Preparar os substratos não absorventes com Okatmos® DSG ou Okatmos® UG 30.Para o exterior, preparar os substratos minerais com Okatmos® UG 30. APLICAÇÃO Mistura o Servoflex MDM com água limpa até que não haja grumos. Mexe novamente após cerca de 5 minutos de maturação. As irregularidades do substrato podem ser niveladas durante a instalação. Os desníveis maiores, até 30 mm, podem ser nivelados aplicando previamente uma camada de nivelamento, que deve endurecer durante, pelo menos, 3 horas antes de iniciar a instalação.Aplicar o Servoflex MDM sobre o substrato com uma talocha de pente adequada e empurrar o material de revestimento para o leito de cola no espaço de aproximadamente 25 minutos e pressionar ou bater no local. Dependendo da capacidade de absorção do substrato/revestimento e da espessura da camada de argamassa, é possível efetuar correcções dentro de aproximadamente 25 minutos.Ao colocar revestimentos de pedra natural, alisa o verso do material de revestimento com o lado liso da espátula de pente imediatamente antes de o colocar na cama de argamassa.No caso de utilização do método de leito espesso, coloca e compacta o material de revestimento imediatamente após a aplicação da argamassa.Quando o assentamento é feito em áreas de parede, aplica a argamassa de camada espessa, tal como a argamassa convencional, na parte de trás do material de revestimento e posiciona-o adequadamente. CONSUMO   Profundidade do dente da talocha de pente    Consumo (pó)   Dente MDM aprox. 5,0 kg/m² Espátula para camada média/camada (TKB M1) aprox. 3,6 kg/m² Espátula de pente 10 mm (TKB C5) aprox. 2,7 kg/m² por mm de espessura de camada aprox. 1,1 kg/m² O consumo depende, entre outros factores, do estado do substrato   Folha de dados técnicos em pdf   CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS

Conteúdo: 20 kg (1,75 €* / 1 kg)

34,90 €*
Variante
Adesivo para azulejos e ladrilhos da Kiesel Servoflex-Trio-schnell SuperTec 20Kg
Prod.-Nr.: BEN10026
Farbe: weiß
Adesivo para azulejos para interiores e exteriores, em paredes e pavimentos 20Kg  DESCRIÇÃO Argamassa cimentícia flexível, modificada com polímeros, de camada fina e média, para espessuras de aplicação até 20 mm em interiores, exteriores e debaixo de água, de acordo com a norma EN 12 004 C2 E-S1.A Servoflex-Trio-SuperTec é especialmente indicada para o assentamento de revestimentos cerâmicos de grande formato, grés fino e revestimentos de pedra natural correspondentes, sobre suportes que apresentam uma certa deformação, como, por exemplo, betonilhas aquecidas, betão in situ (com pelo menos 3 meses de idade) e outros. Ao aumentar a adição de água para aprox. 7,0 l/20 kg, obtém-se uma consistência de argamassa muito suave, o que permite um assentamento praticamente sem vazios. Deste modo, elimina a necessidade de utilizar o método de espalhamento de manteiga. No caso de assentamento de material de revestimento de grandes dimensões, pode ser necessário utilizar o método combinado (espalhamento/flutuação) para uma boa colocação do material de revestimento.  No caso de assentamento sobre betonilhas aquecidas, o aquecimento do pavimento pode ser colocado em funcionamento após três dias, de acordo com os regulamentos (respeitar as normas e as fichas de informação relevantes). Cumpre as "Directrizes para argamassas flexíveis". Para os revestimentos translúcidos, está disponível uma versão branca. Além disso, o Servoflex-Trio-SuperTec também pode ser utilizado para a produção de pastas vibratórias para a colocação de revestimentos cerâmicos (incluindo grés fino) através do método de leito vibratório e de pastas de ligação para a argamassa de assentamento do betão. Está disponível o certificado de ensaio da Säurefliesner-Vereinigung e.V. (SFV), Großburgwedel consistência de argamassa selecionável incorporação em grande parte da superfície do material de revestimento quando aplicado pelo método de flutuação sem comportamento de fluxo também para a produção de pastas de ligação e de vibração rendimento muito elevado para utilização em interiores, exteriores e debaixo de água utilização segura a baixas temperaturas também em betonilhas aquecidas, varandas e terraços de acordo com a norma EN 12 004 C2 E-S1 versão branca, para revestimentos translúcidos listado no DGNB Navigator PREPARAÇÃO DO SUBSTRATO Servoflex-Trio-SuperTec como argamassa flexível de camada fina e média O suporte deve estar pronto para o revestimento, limpo e resistente. Limpa os revestimentos antigos com um produto de limpeza alcalino. Ao assentar sobre suportes que ainda estão a encolher, limitar as dimensões do campo organizando juntas de movimento. Interior Preparar suportes absorventes com Okatmos® DSG, Okamul GG, Okamul SP ou Okatmos® UG 30 . Se for necessária uma espessura de camada superior a 5 mm em betonilhas de sulfato de cálcio, aplica o primário com Okatmos® DSG ou Okapox GF . Em betonilhas de asfalto mastique, a espessura máxima da camada é sempre de 5 mm. Aplicar o primário em substratos não absorventes com Okatmos® DSG ou Okatmos® UG 30 . Para uso exterior Aplicar o primário em substratos minerais com Okatmos® UG 30 ou Okatmos® DGS . Em superfícies exteriores horizontais existentes, aplica o primário com Okatmos® UG 30 não diluído ou Okatmos® DGS não diluído e aplica impermeabilização colada Servoflex DMS 1K-schnell SuperTec ou Servoflex DMS 1K Plus SuperTec . Em combinação com os produtos de impermeabilização abaixo indicados, estão disponíveis "Certificados de ensaio da Inspeção Geral de Edifícios", emitidos pelo Instituto de Ensaios de Materiais de Braunschweig. Número do certificado de ensaio: Servoflex DMS 1K Plus SuperTec: P-AB 045-03Servoflex DMS 1K-quick SuperTec: P-5096/2096-MPA BSMembrana de vedação Kiesel: P-1201/594/18-MPA BSServoflex-Trio-SuperTec como lama de colagem e vibraçãoO substrato tem de estar pronto para ser revestido, limpo e com capacidade de carga. A superfície de betão deve ser molhável.   APLICAÇÃO Servoflex-Trio-SuperTec como argamassa flexível de camada fina e média Misturar com água limpa até ficar sem grumos. Mexe novamente após cerca de 5 minutos de maturação. As irregularidades do substrato podem ser niveladas durante a instalação. Os desníveis maiores, até 20 mm, podem ser nivelados através da aplicação de uma camada de nivelamento, que deve ser deixada a endurecer durante, pelo menos, 24 horas antes de se iniciar a colocação do pavimento. Aplicar o Servoflex-Trio-SuperTec sobre o substrato com uma talocha de pente adequada, que garanta uma instalação praticamente sem vazios, e empurrar o material de revestimento para o leito de cola, pressionando-o durante cerca de 30 minutos. Dependendo da capacidade de absorção do substrato/revestimento, é possível efetuar correcções no prazo de cerca de 25 minutos. Servoflex-Trio-SuperTec como pasta de colagem Misturar com cerca de 50 % de água limpa, até ficar sem grumos. Em alternativa, até uma relação de mistura de 1:1 partes em peso, pode ser adicionado cimento do tipo CEM I 32,5 R (fator de água de cerca de 45 %). Agitar novamente após cerca de 5 minutos de maturação. Espalhar a pasta de ligação misturada sobre a superfície de betão preparada e espalhar com uma vassoura. Aplicar por cima a argamassa de assentamento adequada, húmida sobre húmida, espalhar, compactar e remover. Servoflex-Trio-SuperTec como pasta vibratória Mistura com cerca de 50 % de água limpa até ficar sem grumos. Se necessário, até uma relação de mistura de 1:1 partes em peso, pode ser adicionado cimento da classe CEM I 32,5 R (fator de água de aprox. 45 %). Agita novamente após cerca de 5 minutos de maturação. Aplicar a lama vibratória misturada sobre a argamassa de base adequada, compactada e pré-esforçada, espalhar com uma espátula de pente de 6 mm e colocar o material de revestimento. As superfícies de revestimento colocadas desta forma devem ser vibradas no prazo de uma hora.   CONSUMO   Espátula dentada  Consumo (pó) Argamassa de leito fino e médio:   Espátula de pente 6 mm (TKB C2) aprox. 1,6 kg/m² Espátula de pente 8 mm (TKB C4) aprox. 2,3 kg/m² Pente de enchimento 10 mm (TKB C5) aprox. 2,8 kg/m² Espátula média (TKB M1) aprox. 3,7 kg/m² por mm de espessura de camada aprox. 1,1 kg/m² Cola / lama de vibração:   Espátula de pente de 6 mm (TKB C2) aprox. 1,5 - 2,0 kg/m² Pente de enchimento 6 mm (TKB C2) aprox. 1,0 kg/m² a 1:1 partes em peso misturadas com cimento O consumo depende, entre outros factores, do estado do substrato   Ficha técnica em pdf   CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS

Conteúdo: 20 kg (2,95 €* / 1 kg)

Variantes de 49,90 €*
58,90 €*
Adesivo para azulejos e ladrilhos da Kiesel Servolight S1 SuperTec
Prod.-Nr.: BEN10025
Adesivo para azulejos para uso interior, em paredes e pavimentos 15Kg  DESCRIÇÃO Argamassa cimentícia de leito fino, estável e altamente flexível, para a colocação de ladrilhos e placas cerâmicas, grés fino, mosaico de porcelana em interiores, exteriores e debaixo de água, de acordo com a norma EN 12 004 C2TE-S1. Devido ao elevado nível de revestimento plástico, Servolight S1 SuperTec é adequado para substratos como, por exemplo, betão in situ (com pelo menos 3 meses de idade), placas de fibra de gesso, placas de gesso cartonado, betonilhas de aquecimento à base de cimento ou sulfato de cálcio (observar as normas e fichas técnicas relevantes), betonilhas de asfalto mastique e betão celular, bem como, em áreas secas, placas de madeira niveladas e resistentes (min. V 100) e placas OSB. Adequado para a utilização em varandas, terraços e fachadas, bem como para a colocação em zonas subaquáticas.Também adequado para nivelar desníveis no substrato (por exemplo, alvenaria, gesso, betonilha) até uma espessura de camada de 15 mm antes dos trabalhos de instalação. Cumpre as "Directrizes para argamassas flexíveis", edição de junho de 2001. Em combinação com os produtos de impermeabilização abaixo indicados, estão disponíveis "Certificados de ensaio da Inspeção Geral de Edifícios", emitidos pelo Instituto de Ensaios de Materiais de Braunschweig. Número do certificado de ensaio: Servoflex DMS 1K Plus SuperTec: P-AB 045-03 desempenho superficial cerca de 30 % superior ao das argamassas de camada fina convencionais elevada deformabilidade processamento extremamente fácil estabilidade muito elevada segura de utilizar mesmo a baixas temperaturas PREPARAÇÃO DO SUPORTE O substrato tem de estar pronto para ser revestido, limpo e com capacidade de carga. Ao colocar sobre substratos que ainda estão a encolher, limita as dimensões do campo organizando juntas de movimento. Em áreas interiores, aplicar Okatmos® DSG, Okamul SP, Okamul GG ou Okatmos® UG 30 sobre substratos absorventes. Prepara as betonilhas de sulfato de cálcio com Okatmos® DSG ou Okapox GF se for necessária uma espessura de camada superior a 5 mm. Em betonilhas de asfalto mastique, a espessura máxima da camada é sempre de 5 mm. Limpar cuidadosamente os suportes não absorventes, tais como terraços e revestimentos cerâmicos antigos, com um produto de limpeza alcalino, deixar secar e aplicar Okatmos® DSG ou Okatmos® UG 30. Limpar cuidadosamente os revestimentos de PVC homogéneos, velhos e bem aderentes, em áreas interiores secas, com um produto de limpeza básico, deixar secar, lixar e aspirar com um aspirador industrial. Depois aplica o primário com Okatmos® UG 30 ou Okatmos® DSG. Os substratos metálicos como o aço, a chapa galvanizada e o alumínio em áreas interiores secas devem ser dimensionalmente estáveis (sem dobras e vibrações) e sem ferrugem. Desengordura com acetona antes da aplicação. De seguida, aplica o primário com Okatmos® UG 30 ou Okatmos® DSG. O painel de partículas deve estar seco (humidade da madeira ≤ 10 %). A espessura mínima no chão é de 25 mm e na parede de 19 mm. As placas devem ser firmemente aparafusadas à subestrutura (espaçamento máximo entre parafusos de 40 cm), as linguetas e as ranhuras devem ser coladas. Prepara o aglomerado de partículas com Okatmos® DSG ou Okatmos® UG 30. Em áreas exteriores, aplicar Okatmos® UG 30 ou Okatmos® DSG sobre substratos minerais, aplicar Okatmos® UG 30 ou Okatmos® DSG sobre revestimentos antigos em superfícies horizontais e aplicar o impermeabilizante Servoflex DMS 1K-schnell SuperTec ou Servoflex DMS 1K Plus SuperTec. APLICAÇÃO Mistura o Servolight S1 SuperTec com água limpa até ficar sem grumos. Mexe novamente após cerca de 5 minutos de maturação. Se necessário, ajusta a viscosidade da argamassa, alterando ligeiramente a quantidade de água adicionada. Aplicar primeiro uma camada de contacto com o lado liso da espátula de pente. Em seguida, com a espátula de pente adequada (ver tabela), aplicar Servolight S1 SuperTec sobre o suporte e empurrar o material a colocar para o leito adesivo dentro do tempo de assentamento e pressionar. Dependendo da absorção do substrato/revestimento, as correcções podem ainda ser feitas em cerca de 25 minutos. CONSUMO   Profundidade do dente da espátula de pente    Consumo (pó)   3 mm (TKB C3) aprox. 0,7 kg/m² 4 mm (TKB C1) aprox. 0,9 kg/m² 6 mm (TKB C2) aprox. 1,3 kg/m² 8 mm (TK B C4) aprox. 1,8 kg/m² 10 mm (TKB C5) aprox. 2,3 kg/m² Espátula para camadas médias (TKB M1) aprox. 3,0 kg/m² por mm de espessura de camada aprox. 0,8 kg/m²   O consumo depende, entre outros factores, do estado do substrato   Folha de dados técnicos em pdf   CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS

Conteúdo: 15 kg (2,66 €* / 1 kg)

39,90 €*
Adesivo para azulejos e ladrilhos da Kiesel Servolight S2 SuperTec
Prod.-Nr.: BEN10024
Adesivo para azulejos para uso interior, em paredes e pavimentos argamassa adesiva flexível 15Kg  DESCRIÇÃO Argamassa cimentícia de leito fino, estável e altamente flexível, para a colocação de ladrilhos e placas cerâmicas, grés fino, mosaico porcelânico em interiores, exteriores e debaixo de água, de acordo com a norma EN 12 004 C2TE-S2. Devido ao elevado nível de modificação plástica, Servolight S2 SuperTec é adequado para substratos com comportamento de retração residual, como por exemplo, betão in situ (com pelo menos 28 dias de idade), além disso, para substratos como placas de fibra de gesso, placas de gesso, betonilhas aquecidas à base de cimento ou sulfato de cálcio (observar as normas e fichas técnicas correspondentes), betonilhas de asfalto mastique e betão celular, bem como, em áreas secas, placas de madeira aparafusadas (min. V 100) e placas OSB niveladas e resistentes.  Adequado para a utilização em varandas, terraços e fachadas, bem como para a colocação em zonas subaquáticas. Também adequado para nivelar desníveis no substrato (por exemplo, alvenaria, gesso, betonilha) até uma espessura de camada de 15 mm antes dos trabalhos de instalação. Cumpre as "Directrizes para argamassas flexíveis" e os requisitos para S2 de acordo com a norma EN 12 002. Em combinação com os produtos de impermeabilização abaixo indicados, estão disponíveis "Certificados de ensaio da Inspeção Geral de Edifícios" no Instituto Oficial de Ensaios de Materiais de Braunschweig. Número do certificado de ensaio: Servoflex DMS 1K Plus SuperTec: P-AB 045-03   PREPARAÇÃO DO SUBSTRATO O substrato tem de estar pronto a ser revestido, limpo e com capacidade de carga. Ao colocar sobre substratos que ainda estão a encolher, limita as dimensões do campo, organizando as juntas de movimento. Em áreas interiores, aplicar Okatmos® DSG, Okamul GG, Okamul SP ou Okatmos® UG 30 sobre suportes absorventes. Prepara as betonilhas de sulfato de cálcio com Okatmos® DSG ou Okapox GF se for necessária uma espessura de camada superior a 5 mm. Em betonilhas de asfalto mastique, a espessura máxima da camada é sempre de 5 mm. Limpar cuidadosamente os suportes não absorventes, tais como terrazzo, revestimentos cerâmicos antigos, com um produto de limpeza alcalino básico, deixar secar e aplicar Okatmos® DSG ou Okatmos® UG 30. Limpar com um produto de limpeza básico os revestimentos de PVC homogéneos, velhos e bem aderentes, em áreas interiores secas, deixar secar, lixar e aspirar com um aspirador industrial. Depois aplica o primário com Okatmos® UG 30. Os suportes metálicos, tais como aço, chapa galvanizada e alumínio, em áreas interiores secas, devem ser dimensionalmente estáveis (sem dobras e vibrações), sem ferrugem e desengordurados com acetona antes da instalação. De seguida, aplica o primário com Okatmos® UG 30. O aglomerado de partículas deve estar seco (humidade da madeira ≤ 10 %). A espessura mínima no chão é de 25 mm e na parede de 19 mm. Os painéis devem ser firmemente aparafusados à subestrutura (distância máxima entre os parafusos de 40 cm), e as linguetas e ranhuras devem ser coladas. Prepara o aglomerado de partículas com Okatmos® DSG ou Okatmos® UG 30. Para utilização no exterior, aplicar Okatmos® UG 30 sobre substratos minerais, aplicar Okatmos® UG 30 não diluído sobre superfícies horizontais e aplicar o impermeabilizante composto Servoflex DMS 1K-schnell SuperTec ou Servoflex DMS 1K Plus SuperTec.    APLICAÇÃO Mistura o Servolight S2 SuperTec com água limpa até ficar sem grumos. Mexe novamente após cerca de 5 minutos de maturação. Se necessário, ajusta a viscosidade da argamassa, alterando ligeiramente a adição de água. Primeiro aplica uma camada de contacto com o lado liso da espátula de pente. Em seguida, aplica o Servolight S2 SuperTec no substrato com a espátula de pente adequada (ver tabela) e empurra o material a ser colocado no leito adesivo dentro do tempo de colocação e pressiona. Dependendo da absorção do substrato/revestimento, as correcções podem ainda ser feitas dentro de aproximadamente 25 minutos. Para desenvolver plenamente o efeito de alívio de tensões, aplica uma camada de cola fechada com, pelo menos, 3 mm de espessura no dia anterior ou coloca o material de revestimento com uma espessura de leito de cola > 3 mm, utilizando o método combinado (colagem/flutuação). Desta forma, os ladrilhos de grande formato, por exemplo, 60 cm x 120 cm, podem ser colocados de forma colada em betonilhas com aquecimento por baixo do pavimento, aliviando as tensões.   CONSUMO   Profundidade dos dentes da espátula de pente    Consumo (pó)   3 mm (TKB C3) aprox. 0,7 kg/m² 4 mm (TKB C1) aprox. 0,9 kg/m² 6 mm (TKB C2) aprox. 1,3 kg/m² 8 mm (TKB C4) aprox. 1,8 kg/m² 10 mm (TKB C5) aprox. 2,3 kg/m² Espátula para camadas médias (TKB M1) aprox. 3,0 kg/m² por mm de espessura de camada aprox. 0,8 kg/m²  O consumo depende, entre outros factores, do estado do substrato     Folha de dados técnicos em pdf   CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS

Conteúdo: 15 kg (4,99 €* / 1 kg)

74,90 €*
Adesivo para azulejos e ladrilhos da Kiesel Servostar 1000
Prod.-Nr.: BEN10011
Adesivo para azulejos para uso interior, em paredes e pavimentos DESCRIÇÃO Argamassa de camada fina flexível, estável, modificada com plástico e testada de acordo com a norma EN 12 004 C2 TE, para o assentamento de ladrilhos e placas de cerâmica, grés fino (interior) com formatos até um máximo de 30 cm x 60 cm, ladrilhos divididos, ladrilhos de clínquer para pavimentos e ladrilhos de clínquer sobre suportes de carga, tais como betão in situ (com pelo menos 6 meses de idade), placas de fibra de gesso, placas de gesso cartonado, betonilhas aquecidas (observar as normas e fichas técnicas relevantes), bem como rebocos de cimento e de cal-cimento.Em combinação de produção com os produtos de impermeabilização listados abaixo, estão disponíveis "Certificados de Teste da Inspeção Geral de Construção" do Instituto Oficial de Teste de Materiais de Braunschweig.Número do certificado de ensaio: Kiesel Dichtbahn: P-1201/361/16-MPA BS testado de acordo com a norma EN 12 004 C2 TE elevado rendimento adequado para aquecimento de piso para grés fino em interiores para uso interior e exterior PREPARAÇÃO DO SUPORTE O suporte deve estar pronto para ser revestido, limpo, resistente e dimensionalmente estável. Limpa os revestimentos antigos com um produto de limpeza alcalino. Em áreas interiores, prepara os suportes absorventes com Okamul GG, Okamul SP, Okatmos® UG 30 ou Okatmos® DSG. Em betonilhas de sulfato de cálcio, aguardar pelo menos 24 horas para a secagem. Pré-revestir os substratos não absorventes com Okatmos® UG 30. Para uso exterior, aplica Okatmos® UG 30 ou Okatmos® DSG. No caso de revestimentos antigos horizontais em áreas exteriores, trabalha sempre em conjunto com uma membrana de impermeabilização ligada, por exemplo, Servoflex DMS 1K-schnell SuperTec ou Servoflex DMS 1K Plus SuperTec. PROCESSAMENTO Mistura o ServoStar® 1000 com água limpa até ficar sem grumos. Em seguida, aplicar sobre o suporte com a espátula de pente adequada (ver tabela) e empurrar o material a instalar para o leito de cola e pressionar durante cerca de 30 minutos. Dependendo da absorção do substrato/revestimento, as correcções podem ainda ser feitas em cerca de 25 minutos. CONSUMO  Profundidade dos dentes da espátula de pente  Consumo (pó)   3 mm (TKB C3) aprox. 1,2 kg/m² 4 mm (TKB C1) aprox. 1,5 kg/m² 6 mm (TKB C2) aprox. 2,3 kg/m² 8 mm (TKB C4) aprox. 2,8 kg/m² 10 mm (TKB C5) aprox. 3,5 kg/m² por mm de espessura de camada aprox. 1,5 kg/m² O consumo depende, entre outros factores, do estado do substrato  Folha de dados técnicos em pdf CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS

Conteúdo: 25 kg (1,36 €* / 1 kg)

33,90 €*
Adesivo para azulejos e ladrilhos da Kiesel ServoStar 2000 Plus Flex
Prod.-Nr.: BEN10021
Adesivo para azulejos para uso interior, em paredes e pavimentos 25Kg  DESCRIÇÃO   Argamassa de leito fino cimentícia estável, flexível e modificada com polímeros, de acordo com a norma EN 12 004 C2 TE-S1, para o assentamento de ladrilhos e placas de cerâmica, grés porcelânico, mosaico porcelânico, ladrilhos de clínquer e de tijolo, bem como revestimentos de pedra natural resistentes à descoloração e à deformação, em interiores e exteriores, sobre suportes resistentes como, por exemplo, betão in situ (com pelo menos 6 meses), placas de fibra de gesso, placas de gesso cartonado, betonilhas aquecidas (correspondentes).Por exemplo, betão in situ (com pelo menos 6 meses), placas de fibra de gesso, placas de gesso cartonado, betonilhas aquecidas (respeitar as normas e fichas técnicas correspondentes), asfalto mastique, betão celular, bem como varandas e terraços.Cumpre as "Directrizes para argamassas flexíveis", edição de junho de 2001 Em combinação com os produtos de impermeabilização abaixo indicados, estão disponíveis "Certificados de ensaio da autoridade geral de construção" no Instituto Oficial de Ensaios de Materiais de Braunschweig.Número do certificado de ensaio:Okamul DF: P-AB 044-03Servoflex DMS 1K Plus SuperTec: P-AB 045-03 Servoflex DMS 1K-quick SuperTec: P-5096/2096-MPA BS Membrana de impermeabilização Kiesel: P_1200/432/15_MPA BS para ladrilhos de grande formato também para grés fino para uso interior e exterior alto rendimento tempo de instalação longo elevada estabilidade Espessura de camada até 10 mm emissões muito baixas PREPARAÇÃO DO SUBSTRATO O substrato tem de estar pronto para ser revestido, limpo e com capacidade de carga. Ao colocar sobre substratos que ainda estão a encolher, limita o tamanho do campo organizando juntas de movimento. Limpar os revestimentos antigos com um produto de limpeza alcalino. Para a utilização em interiores, aplicar nos suportes absorventes  Okatmos® DSG, Okamul GG, Okamul SP ou Okatmos® UG 30 . Se for necessária uma espessura de camada superior a 5 mm em betonilhas de sulfato de cálcio, aplica o primário com Okatmos® DSG ou Okapox GF . Aplica o primário em substratos não absorventes com Okatmos® DSG ou Okatmos® UG 30 . Para utilização no exterior, aplica o primário com Okatmos® UG 30 . Em revestimentos exteriores antigos, limpos com um produto de limpeza alcalino e preparados com Okatmos® UG 30 , trabalha sempre em conjunto com uma membrana de impermeabilização ligada, por exemplo, Servoflex DMS 1K-schnell SuperTec ou Servoflex DMS 1K Plus SuperTec.   PROCESSAMENTO Mistura o ServoStar® 2000 Plus Flex com água limpa até ficar sem grumos. Mexe novamente após cerca de 5 minutos de maturação. Em seguida, aplicar sobre o suporte com a espátula de pente adequada (ver tabela) e empurrar o material a instalar para o leito de cola e pressionar dentro de aproximadamente 30 minutos. Dependendo da absorção do substrato/cobertura, as correcções podem ainda ser feitas dentro de aprox. 25 minutos.Em áreas exteriores ou com material de pavimento de grande formato, utiliza o método combinado (aplicação de manteiga e flutuação). CONSUMO   Profundidade dos dentes da espátula de pente    Consumo (pó)   3 mm (TKB C3) aprox. 0,9 kg/m² 4 mm (TKB C1) aprox. 1,2 kg/m² 6 mm (TKB C2) aprox. 1,8 kg/m² 8 mm (TKB C4) aprox. 2,3 kg/m² 10 mm (TKB C5) aprox. 2,9 kg/m² por mm de espessura de camada aprox. 1,2 kg/mm² O consumo depende, entre outros factores, do estado do substrato   Folha de dados técnicos em pdf   CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS

Conteúdo: 25 kg (1,60 €* / 1 kg)

39,90 €*
Adesivo para azulejos e ladrilhos da Kiesel ServoStar 3000 Flex branco
Prod.-Nr.: BEN10022
Adesivo para azulejos para uso interior e exterior, em paredes e pavimentos  DESCRIÇÃO   Argamassa fina de cimento branco, estável, flexível e modificada com polímeros, de acordo com a norma EN 12 004 C2 TE-S1, para o assentamento de ladrilhos e placas de cerâmica, grés porcelânico, mosaicos de porcelana e de vidro, ladrilhos de clínquer e de tijolo e revestimentos de pedra natural não susceptíveis de descoloração e deformação em interiores e exteriores sobre suportes resistentes como, por exemplo, betão in situ (com pelo menos 6 meses), placas de fibra de gesso, placas de gesso cartonado, betonilhas aquecidas (adequado).Por exemplo, betão in situ (com pelo menos 6 meses), placas de fibra de gesso, placas de gesso, betonilhas aquecidas (respeitar as normas e as fichas técnicas correspondentes), mástique asfáltico, betão celular, bem como varandas e terraços.Adicionando 10% de Okamul DZ 18 (2,5 kg de Okamul DZ 18 por 25 kg de pó, ou 2 partes de água e 1 parte de Okamul DZ 18) também é adequado para a colocação de mosaicos de vidro em áreas subaquáticas e exteriores.Cumpre as "Directrizes para argamassas flexíveis", edição de junho de 2001 Em combinação com os produtos de impermeabilização abaixo indicados, podes obter os "Certificados gerais de ensaio das autoridades de construção" junto do instituto oficial de ensaios de materiais em Braunschweig elevada estabilidade longo tempo de aplicação elevado rendimento para interiores e exteriores para o assentamento de grés fino para a colocação de mosaico de vidro Espessura de camada até 10 mm  PREPARAÇÃO DO SUPORTE O suporte deve estar pronto para o revestimento, limpo e resistente. Quando o assentamento é feito sobre suportes que ainda estão a encolher, limita o tamanho do campo organizando juntas de movimento. Limpar os revestimentos antigos com um produto de limpeza alcalino. Para a utilização em interiores, aplicar em substratos absorventes com Okatmos® DSG, Okamul GG, Okamul SP ou Okatmos® UG 30 . Se for necessária uma espessura de camada superior a 5 mm em betonilhas de sulfato de cálcio, aplica o primário com Okatmos® DSG ou Okapox GF . Aplica o primário em substratos não absorventes com Okatmos® DSG ou Okatmos® UG 30 . Para utilização no exterior, aplica o primário com Okatmos® UG 30 . Em revestimentos exteriores antigos, limpos com Okamul GR e preparados com Okatmos® UG 30 , trabalha sempre em conjunto com uma membrana de impermeabilização ligada, por exemplo, Servoflex DMS 1K-schnell SuperTec ou Servoflex DMS 1K Plus SuperTec. PROCESSAMENTO Mistura o ServoStar® 3000 Flex com água limpa até ficar sem grumos. Mexe novamente após cerca de 5 minutos de maturação. Se necessário, ajusta a viscosidade da argamassa, alterando ligeiramente a quantidade de água adicionada. Primeiro aplica uma camada de contacto com o lado liso da espátula de pente. Em seguida, com a espátula de pente adequada (ver tabela), aplicar ServoStar® 3000 Flex no suporte e empurrar os ladrilhos cerâmicos ou as placas de pedra natural, que foram totalmente espalhados no verso, para o leito de cola húmido dentro do tempo de assentamento e pressionar. Dependendo da absorção do substrato/revestimento, as correcções podem ainda ser feitas dentro de aproximadamente 25 minutos. Colocar os revestimentos de pedra natural através do método combinado (colagem com manteiga e flutuação). CONSUMO   Profundidade dos dentes da espátula de pente    Consumo (pó)   3 mm (TKB C3) aprox. 1,1 kg/m² 4 mm (TKB C1) aprox. 1,4 kg/m² 6 mm (TKB C2) aprox. 2,1 kg/m² 8 mm (TKB C4) aprox. 2,7 kg/m² 10 mm (TKB C5) aprox. 3,4 kg/m² por mm de espessura de camada aprox. 1,4 kg/m² O consumo depende, entre outros factores, do estado do substrato     Folha de dados técnicos em pdf   CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS

Conteúdo: 25 kg (2,00 €* / 1 kg)

49,90 €*
Adesivo para azulejos e ladrilhos da Kiesel ServoStar 4000 Flex fast white
Prod.-Nr.: BEN10023
Inhalt (kg): 25 Kg
Adesivo para azulejos de interior, em paredes e pavimentos Argamassa adesiva branca, rápida e flexível  DESCRIÇÃO Argamassa de colagem fina cimentícia, branca, de presa rápida, flexível e modificada com polímeros, de acordo com a norma EN 12 004 C2FT-S1, para a colocação de revestimentos de pedra natural como, por exemplo, mármore do Jura, placas de Solnhofen, mármore cristalino, etc. em superfícies de paredes e pavimentos em substratos resistentes, como, por exemplo, betão in situ (com pelo menos 6 meses), placas de fibra de gesso, placas de gesso cartonado, betonilhas aquecidas (respeitar as normas e os códigos de conduta relevantes), mástique asfáltico, betão celular, bem como varandas e terraços.O ServoStar® 4000 Flex também é adequado para o assentamento de revestimentos cerâmicos, quando se pretende uma resistência precoce e um rejuntamento rápido.Ao adicionar 10% de Okamul DZ 18 (2,5 kg de Okamul DZ 18 por 25 kg de pó, ou 2 partes de água e 1 parte de Okamul DZ 18), também é adequado para a colocação de mosaicos de vidro em áreas subaquáticas e exteriores.Cumpre as "Directrizes para argamassas flexíveis", edição de junho de 2001. Em combinação com os produtos de impermeabilização abaixo indicados, estão disponíveis os "Certificados de Teste da Inspeção Geral de Edifícios" do Instituto Oficial de Testes de Materiais de Braunschweig.Número do certificado de ensaio:Servoflex DMS 1K-schnell SuperTec: P-5096/2096-MPA BS Membrana de vedação Kiesel: P-1200/432/15-MPA BS especialmente para revestimentos de pedra natural sensíveis à descoloração e translúcidos pode ser pisada e betumada após aprox. 3 horas elevado rendimento para o assentamento de grés fino para o assentamento de mosaico de vidro para uso interior e exterior Espessura de camada até 10 mm PREPARAÇÃO DO SUPORTE  O suporte deve estar pronto para ser revestido, limpo e resistente. Limpar os revestimentos antigos com um produto de limpeza alcalino. Para a utilização em interiores, preparar os suportes absorventes com Okatmos® DSG, Okamul GG, Okamul SP ou Okatmos® UG 30 . Se for necessária uma espessura de camada superior a 5 mm em betonilhas de sulfato de cálcio, aplica o primário com Okatmos® DSG ou Okatmos® UG 30 . Aplicar o primário em substratos não absorventes com Okatmos® DSG ou Okatmos® UG 30 . Para utilização no exterior aplicar o primário em substratos absorventes com Okatmos® UG 30 ou preferir uma camada de contacto com argamassa adesiva. APLICAÇÃO Mistura o ServoStar® 4000 Flex com água limpa até ficar sem grumos. Ao aplicar em substratos que ainda estão a encolher, limita o tamanho do campo organizando juntas de movimento. Se necessário, ajusta a viscosidade da argamassa, alterando ligeiramente a quantidade de água adicionada. Aplicar primeiro uma camada de contacto com o lado liso da espátula de pente. Em seguida, com a espátula de pente adequada (ver tabela), aplicar ServoStar® 4000 Flex no suporte e empurrar os ladrilhos cerâmicos ou as placas de pedra natural, que foram totalmente espalhados no verso, para o leito de cola húmido dentro do tempo de assentamento e pressionar. Dependendo da absorção do substrato/revestimento, as correcções podem ainda ser feitas em cerca de 10-20 minutos. CONSUMO   Profundidade dos dentes da espátula de pente    Consumo (massa)   3 mm (TKB C3) aprox. 1,1 kg/m² 4 mm (TKB C1) aprox. 1,4 kg/m² 6 mm (TKB C2) aprox. 2,1 kg/m² 8 mm (TKB C4) aprox. 2,7 kg/m² 10 mm (TKB C5) aprox. 3,4 kg/m² por mm de espessura de camada aprox. 1,4 kg/m² O consumo depende, entre outros factores, do estado do substrato     Folha de dados técnicos em pdf   CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS

Conteúdo: 25 kg (2,40 €* / 1 kg)

59,90 €*
Variante
Adesivo para parquet Adesivo elástico para parquet Pronto a usar Sem solventes e sem silicone Bakit EK
Prod.-Nr.: BEN10085
Farbe: beige
Adesivo para parquet Adesivo para parquet resistente ao cisalhamento Pronto a usar Sem solventes e sem silicone Bakit ESP DESCRIÇÃO Adesivo monocomponente de muito baixa emissão, sem solventes e sem silicone, com excelente ranhura e muito boa capacidade de espalhamento para a colagem elástica e resistente de parquet.Adequado para vários tipos de parquet, tais como parquet de mosaico, parquet de tábuas a partir de 16 mm de espessura com lingueta e ranhura, parquet de tábuas verticais de 10 - 23 mm, bloco de madeira RE (DIN 68 702) com uma altura máxima de bloco de 50 mm. Altura do bloco de 50 mm, parquet acabado em 2, 3 e mais camadas em tábuas e pranchas, pranchas de madeira maciça a partir de 15 mm de espessura (relação espessura-largura máx. 1:10, para espécies de madeira com tendência a inchar 1:8) até um comprimento de 270 cm. Para madeiras exóticas, consulta a Tecnologia de Aplicação Kiesel. Para colar sobre betonilha de cimento, betonilha de sulfato de cálcio (fluindo), aglomerado de partículas V 100 E1, placas OSB e sobre substratos renovados preenchidos com compostos de nivelamento Kiesel adequados. Testado no sistema com o programa de pintura à base de água da Kiesel.Bakit EK neu pode ser aplicado em muitos substratos sem primário.   1 componente pronto a usar universalmente aplicável cura rápida e elástica muito fácil de espalhar tempo de aplicação longo listado no DGNB Navigator   PREPARAÇÃO DO SUPORTE O substrato tem de ser testado e estar pronto para a aplicação de acordo com a VOB Parte C, DIN 18356 Parquet e woodblock, DIN 68702 Woodblock, bem como com o estado da técnica. Pré-tratar o substrato de acordo com a ficha técnica BEB "Beurteilen und Vorbereiten von Untergründen" (Avaliação e preparação de substratos) e a ficha técnica TKB-8.Se necessário, aplicar Okamul PU-V rápido (tempo de cura de pelo menos 3 horas) e aplicar o adesivo dentro de 48 horas. Aplicar Okamul PU-V rápido (tempo de cura de pelo menos 3 horas) sobre betonilha de asfalto, classe de dureza IC 10 ou IC 15 e resíduos de adesivo antigos, sólidos e resistentes.Em substratos absorventes, como betonilha de cimento, betonilha de sulfato de cálcio (flow), o substrato pode ser preparado com Bakit PV-Universal para fixar o micro pó.Deve ser assegurada a formação de um sistema. APLICAÇÃO Abrir a embalagem e remover a película e o adesivo endurecido.  AplicarBakit EK neu sobre o suporte com uma talocha dentada adequada. Aplica apenas a quantidade de cola que pode ser coberta com o parquet em cerca de 40 minutos. Colocar o parquet, alinhar e bater com firmeza e assegurar que toda a superfície está molhada. Elimina imediatamente as manchas de cola em revestimentos lacados   com Bakit RT e limpa com KiClean . No caso de elementos de parquet com bordas lisas, certifica-te de que toda a superfície é molhada; se as extremidades da cabeça não forem completamente molhadas, isso pode levar a movimentos na ranhura adesiva. As quantidades de cola abertas no balde devem ser cobertas com papel de alumínio para serem armazenadas, de modo a minimizar a reação da cola. De um modo geral, devem ser respeitadas as instruções dos fabricantes de parquet.   CONSUMO DentesTipo de parquet Consumo TKBB3/B6 Parquet em mosaico (DIN EN 13488)Okavlies / Kiesel isolamento underlay   aprox. 700-900 g/m² TKBB7 Parquet de lamelas de 10-23 mm (DIN EN 14761)Parquet acabado em tiras curtas (DIN EN 13489)   aprox. 800-1000 g/m² TKBB15 Parquet de tiras 22 mm N/F (DIN EN 13226)Woodblock RE (DIN 68702)Pavimento de madeira maciça (DIN EN 13226)Parquet acabado em forma de tábua (DIN EN 13489) Placa de isolamento Okaphone   aprox. 1000-1200g/m² O consumo depende, entre outros factores, do estado da base   Ficha técnica em pdf   CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS

Conteúdo: 17 kg (11,12 €* / 1 kg)

189,00 €*
Adesivo para parquet Adesivo para parquet resistente ao cisalhamento Pronto a usar Sem solventes e sem silicone Bakit ESP
Prod.-Nr.: BEN10084
Adesivo para parquet Adesivo para parquet resistente ao cisalhamento Pronto a usar Sem solventes e sem silicone Bakit ESP DESCRIÇÃO Adesivo monocomponente de baixíssimas emissões, isento de solventes e silicone, com excelente ranhura e muito boa capacidade de espalhamento para a colagem resistente ao cisalhamento de pavimentos de parquet, de acordo com a norma DIN EN 14293. Não são utilizados componentes de migração.Adequado para vários tipos de parquet, tais como parquet de mosaico, parquet de tiras com lingueta e ranhura, parquet de lamelas verticais de 10-23 mm, parquet de lamelas de madeira maciça de 10 mm, bloco de madeira RE/WE sem tráfego, parquet acabado de 2, 3 e multicamadas em tábuas e pranchas, pranchas de madeira maciça. Para madeiras exóticas, consulta a Tecnologia de Aplicação Kiesel. Também adequado para pavimentos de cortiça de acordo com a ISO 3813 ou DIN EN 12104, bem como para pavimentos de cortiça multicamada com camada central de MDF/HDF e suporte de cortiça.Para colar em betonilha de cimento, betonilha de sulfato de cálcio (fluindo), aglomerado de partículas V 100 E1, placas OSB, asfalto de mástique lixado e em substratos renovados preenchidos com Kiesel-Spachtelmassen adequado. Testado no sistema com Programa de pintura e óleo Kiesel . O Bakit ESP pode ser aplicado em muitos substratos sem primário . 1 componente pronto a usar resistente ao cisalhamento de acordo com a norma DIN EN 14293 elevadas forças de coesão muito fácil de espalhar nível ótimo de pontuação formulação optimizada em termos de consumo listado no DGNB Navigator PREPARAÇÃO DO SUPORTE O suporte deve ser testado e estar pronto para o assentamento de acordo com a VOB, Parte C, DIN 18356 Parquet e woodblock, DIN 68702 Woodblock, bem como com o estado da técnica. Pré-tratar os suportes de acordo com a folha de dados atual da BEB "Beurteilen und Vorbereiten von Untergründen" (Avaliação e preparação de suportes) e a folha de dados TKB-8. Se necessário, aplica o primário com Okamul PU-V rápido (tempo de cura de pelo menos 3 horas) e cobre dentro de 48 horas. Não é necessário aplicar o primário em betonilhas asfálticas recentemente aplicadas e lixadas da classe de dureza IC 10 ou IC 15 e em resíduos de cola antigos, sólidos e resistentes. Aplicar rapidamente Okamul PU-V em betonilhas asfálticas usadas da classe de dureza IC 10 ou IC 15 (tempo de cura mínimo de 3 horas). Em substratos absorventes, tais como betonilha de cimento, betonilha de sulfato de cálcio (fluida), o substrato pode ser preparado com Bakit PV-Universal para fixar o micro pó. Deve ser assegurado um sistema de acumulação. APLICAÇÃO Abrir a embalagem e remover a película e o adesivo endurecido. Aplicar Bakit ESP sobre o suporte com uma talocha dentada adequada. Aplica apenas a quantidade de cola que pode ser coberta com o parquet em 30 minutos. Colocar o parquet, alinhar e bater com firmeza; assegurar que toda a superfície é molhada. Elimina imediatamente as manchas de cola nos revestimentos lacados com Bakit RT e limpa com KiClean . No caso de elementos de parquet com arestas lisas, assegura a humidificação de toda a superfície; se as extremidades da cabeça não estiverem completamente molhadas, isso pode levar a movimentos na ranhura adesiva. As quantidades de cola abertas no balde devem ser cobertas com papel de alumínio para serem armazenadas, de modo a minimizar a reação da cola. Segue as instruções do fabricante do parquet.   CONSUMO TKB B1 Pavimentos de cortiça de acordo com a norma ISO 3813 ou DIN EN 12104 aprox. 400-500 g/m² TKB B3/B7 Parquet de mosaico (DIN EN 13488)OkavliesSubpavimento isolante de seixos aprox. 750 g/m² TKB B7/B11 Parquet de lâminas com bordas de 10-23 mm (DIN EN 14761) Parquet pré-acabado em tiras curtas (DIN EN 13489) aprox. 750-850 g/m² TKB B11/B15 Bloco de madeira RE/WE (DIN 68702) lamparquet de madeira maciça de 10 mm (DIN EN 13227)pavimento de cortiça multicamada aprox. 850-1100 g/m² TKB B15 Parquet de tábuas (DIN EN 13226)Tábuas de madeira maciça (DIN EN 13226)Parquet pré-acabado em formato de tábua (DIN EN 13489)Placa de isolamento Okaphone 900-1100 g/m²   Ficha técnica em pdf   CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS

Conteúdo: 17 kg (8,23 €* / 1 kg)

139,90 €*
Variante
Argamassa para juntas de ladrilhos para pavimentos, revestimentos e mosaicos Servoperl royal 5KG
Prod.-Nr.: BEN10012
Farbe: weiß
Junta flexível, repelente à água e à sujidade 5KG DESCRIÇÃO Massa de cimento para juntas de alta resistência, de acordo com a norma DIN EN 13888 CG 2 WA, para juntas de 1-10 mm de largura. Devido a uma estrutura de argamassa muito densa, a calda de cimento oferece valores característicos especiais no que diz respeito à capacidade de carga mecânica e à resistência à abrasão. Os cimentos especiais oferecem uma resistência significativamente maior aos agentes químicos de limpeza, em comparação com as caldas de cimento convencionais. Isto torna possível as áreas de aplicação acima mencionadas, em coordenação com o respetivo utilizador do objeto ou com o fornecedor do agente de limpeza. As excelentes propriedades de processamento e o processo de endurecimento favorável impedem que as juntas sejam lavadas. O Servoperl royal não arde e pode ser utilizado em interiores, exteriores e debaixo de água. É adequado para a betumação de revestimentos cerâmicos, especialmente grés, faiança e grés fino, em ambientes húmidos e molhados, bem como em betonilhas aquecidas ou paredes divisórias de gesso cartonado e em áreas sujeitas a grandes tensões. elevada capacidade de carga mecânica e resistência à abrasão para uso interior, exterior e subaquático para juntas de 1-10 mm de largura maior resistência aos ácidos e álcalis elevada resistência aos produtos de limpeza domésticos repelente de água e sujidade com proteção contra eflorescências maior resistência à utilização de produtos de limpeza a alta pressão listado no DNGB Navigator PROCESSAMENTO Verificar a adequação da superfície do revestimento e respeitar as instruções do fabricante do revestimento. Para obter um aspeto uniforme da cor da junta, utiliza apenas material do mesmo lote. Antes de iniciar o rejuntamento, a argamassa de assentamento deve estar bem endurecida e seca, e as juntas devem estar limpas e com uma profundidade uniforme. Misturar o Servoperl royal com água limpa até obter uma argamassa pastosa de cor uniforme. Preenche as juntas, primeiro transversalmente e depois na diagonal, e preenche-as completamente. Imediatamente depois de começar a secar, lava com o disco de esponja, utilizando o mínimo de água possível. A resistência é suficiente quando a argamassa só pode ser ligeiramente pressionada com os dedos. Remover a película de argamassa restante dentro de aprox. 2 horas, também com o disco de esponja. Não pulverizar quando estiver molhado. Os resíduos já espessados não devem ser misturados novamente. Evitar a luz solar direta e as correntes de ar durante o processo de endurecimento. Recomenda-se que, em áreas exteriores, cubras os revestimentos acabados de rejuntar, bem como os materiais de revestimento não absorventes, com papel de alumínio e, se necessário, que os mantenha húmidos, molhando-os várias vezes. CONSUMO para larguras de junta de aprox. 3 mm  aprox. 0,35 kg/m² para ladrilhos de 15 cm x 15 cm aprox. 0,30 kg/m² para ladrilhos de 25 cm x 33 cm aprox. 0,50 kg/m² para mosaico 10 cm x 10 cm aprox. 0,25 kg/m² para ladrilhos 25 cm x 50 cm aprox. 1,00 kg/m² para mosaico 5 cm x 5 cm aprox. 0,20 kg/m² para mosaicos 60 cm x 60 cm   NOTAS IMPORTANTES As amostras de cor sob a forma de bastões de argamassa ou ilustrações impressas não são vinculativas. Servem apenas para orientação e são uma ajuda para selecionar a cor de betume adequada. As condições climáticas e as diferentes propriedades do material de revestimento podem influenciar o aspeto da junta. No caso de suportes absorventes e de materiais de revestimento como, por exemplo, azulejos de barro, pode ocorrer um aprofundamento da tonalidade da cor. Verifica sempre a adequação do material de revestimento; recomendamos a realização de um teste de betumação. Os materiais de revestimento não absorventes devem ser betumados de preferência com betumes de secagem rápida. Só começa a lavar quando a resistência da junta for suficiente. Em seguida, lava as juntas com o mínimo de água possível e volta a enxaguar. Proteger as superfícies recém-rejuntadas contra correntes de ar, luz solar e secagem rápida. Isto é especialmente importante no caso de revestimentos com juntas muito estreitas.    Folheto técnico em pdf   CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS

Conteúdo: 5 kg (5,98 €* / 1 kg)

Variantes de 25,00 €*
29,90 €*
Variante
Argamassa para ladrilhos para pavimentos, revestimentos e mosaicos Servofix HBF SuperTec 25KG
Prod.-Nr.: BEN10015
Farbe: mittelgrau
Junta de carga elevada de fixação rápida 25KG  DESCRIÇÃO Massa de cimento para juntas de alta resistência e de presa rápida, de acordo com a norma DIN EN 13888 CG 2 WA, para juntas de 3 a 15 mm de largura. Devido à tecnologia SuperTec, a massa de cimento para juntas oferece valores característicos especiais no que respeita à capacidade de carga mecânica e à resistência à abrasão. Os cimentos especialmente adaptados oferecem uma resistência significativamente maior aos agentes químicos de limpeza, em comparação com as juntas de cimento convencionais. Isto torna possível as áreas de aplicação acima mencionadas, em coordenação com o respetivo utilizador do objeto ou fornecedor de produtos de limpeza.O Servofix HBF SuperTec é adequado para a betumação de revestimentos cerâmicos, tais como grés porcelânico, grés porcelânico, ladrilhos de tijolo, ladrilhos de tijolo, etc., bem como para a betumação de lajes de pedra natural em substratos dimensionalmente estáveis, em espaços interiores e exteriores, especialmente em áreas sujeitas a cargas mecânicas elevadas, tais como oficinas, lavagens de automóveis, cozinhas de uso comercial, piscinas e outras áreas industriais e comerciais, bem como em varandas e terraços. As excelentes propriedades de aplicação e o processo de endurecimento favorável evitam que a junta seja lavada.O Servofix HBF SuperTec não queima e endurece de forma fiável, mesmo a baixas temperaturas. elevada resistência mecânica e à abrasão estrutura densa da argamassa, graças à tecnologia SuperTec resistência ao sal de degelo maior resistência aos ácidos e álcalis elevada resistência à limpeza a alta pressão seguro para utilização a baixas temperaturas para utilização em interiores, exteriores e debaixo de água adequado para aquecimento de piso   APLICAÇÃO Verifica se a superfície do revestimento é adequada e observa as instruções do fabricante do revestimento. Para obter um aspeto uniforme da cor da junta, utiliza apenas material do mesmo lote. Antes de iniciar o rejuntamento, a argamassa de assentamento deverá estar bem endurecida e seca, e as juntas deverão estar limpas e com uma profundidade uniforme.Misturar o Servofix HBF SuperTec com água limpa até obter uma argamassa homogénea e pastosa. No caso de juntas em paredes, aumenta a estabilidade adicionando menos água. Aplica a calda nas juntas, primeiro transversalmente e depois na diagonal, e preenche-as completamente. Se necessário, pode adicionar mais calda antes de o Servofix HBF SuperTec secar na superfície do revestimento. Imediatamente após a secagem, lavar com o disco de esponja, utilizando o mínimo de água possível. A resistência é suficiente quando a argamassa só pode ser ligeiramente pressionada com os dedos. Remover a película de argamassa restante dentro de aprox. duas horas, também com o disco de esponja. Os resíduos já espessos não devem ser remexidos. Evita a luz solar direta e as correntes de ar durante o processo de endurecimento. Para evitar manchas, tem em atenção:As temperaturas baixas atrasam o endurecimento da massa, o que pode levar a alterações de cor. Pode ocorrer eflorescência ou marmorização devido à humidade do substrato.   CONSUMO aprox. 2,5 kg/m² para ladrilhos divididos 11,5 cm x 24 cmaprox. 0,8 kg/m² para ladrilhos 20 cm x 20 cm   NOTAS IMPORTANTES As informações são baseadas na experiência e devem ser entendidas como conselhos gerais. Ao utilizar produtos de limpeza ácidos, tem de respeitar as instruções do fabricante. Em particular, a proporção da mistura, o tempo de exposição, a humidificação prévia do substrato e a neutralização subsequente com água limpa.Os produtos de limpeza de alta pressão podem ser utilizados até uma pressão de 100 bar, recomendamos a utilização moderada de um produto de limpeza de área. Para a limpeza de manutenção, recomenda-se a utilização de produtos de limpeza neutros e alcalinos. Em caso de exposição química permanente superior à indicada na tabela de resistência, utilizar a argamassa de rejuntamento e colagem de resina epóxi de 2 componentes Okapox royal ou Okapox royal floor, resistente a produtos químicos.Para garantir uma hidratação óptima da argamassa, deve ser fornecida humidade suficiente. Recomenda-se cobrir os revestimentos acabados de rejuntar em áreas exteriores, bem como os materiais de revestimento não absorventes, com papel de alumínio ou mantê-los húmidos através de repetidas molhas. Protege a calda de cimento da geada até estar completamente curada. As amostras de cor sob a forma de bastões de argamassa ou ilustrações impressas não são vinculativas. Servem apenas para orientação e são uma ajuda para selecionar a cor de calda de cimento adequada. As condições climáticas e as diferentes propriedades do material de revestimento podem influenciar o aspeto da junta. No caso de suportes absorventes e de materiais de revestimento como, por exemplo, azulejos de barro, pode ocorrer um aprofundamento da tonalidade da cor. A adequação do material de revestimento deve ser sempre verificada; recomendamos a realização de um teste de betumação. Os materiais de revestimento não absorventes devem ser aplicados preferencialmente com betumes de secagem rápida. Só começa a lavar quando a resistência da junta for suficiente. Em seguida, lava as juntas com o mínimo de água possível e volta a enxaguar. Proteger as superfícies recém-rejuntadas contra correntes de ar, luz solar e secagem rápida. Isto é especialmente importante no caso de revestimentos com juntas muito estreitas.     Folheto técnico em pdf   CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS

Conteúdo: 25 kg (3,40 €* / 1 kg)

84,90 €*
Variante
Argamassa para ladrilhos para pavimentos, revestimentos e mosaicos Servoperl 10
Prod.-Nr.: BEN10014
Farbe: silbergrau | Inhalt (kg): 5 Kg
Junta flexível, repelente à água e à sujidade  DESCRIÇÃO Massa de cimento para juntas repelente de água e sujidade, de acordo com a norma DIN EN 13888 CG 2 WA, com componentes plásticos flexíveis. Graças às suas excelentes propriedades de processamento e ao seu processo de endurecimento favorável, evita a lavagem da junta.O Servoperl 10 não arde e pode ser utilizado em interiores e exteriores para juntas até 10 mm (tonalidade de cor branca nobre até 5 mm). A massa para juntas é adequada para o rejuntamento de revestimentos cerâmicos, incluindo grés fino, em espaços húmidos e molhados, bem como em betonilhas aquecidas ou paredes divisórias de gesso cartonado, etc.   para uso interior e exterior repelente à água e à sujidade aplicação fácil endurecimento normal elevada aderência dos flancos   APLICAÇÃO Verifica se a superfície do revestimento é adequada e observa as instruções do fabricante do revestimento. Para garantir um padrão de juntas uniforme, utiliza apenas material do mesmo lote. Antes de se iniciar o rejuntamento, a argamassa de assentamento deve estar bem endurecida e seca, e as juntas devem estar limpas e com uma profundidade uniforme. Misturar o Servoperl 10 com água limpa e sem grumos até obter uma argamassa pastosa de tonalidade uniforme, de preferência com um misturador elétrico. Aplicar a argamassa nas juntas, primeiro transversalmente e depois na diagonal, preenchendo-as completamente. Imediatamente após o início da secagem, lava com o disco de esponja, utilizando o mínimo de água possível. A resistência é suficiente quando a argamassa só pode ser ligeiramente pressionada com os dedos. Remover a restante película de argamassa dentro de aproximadamente 1 hora, também com o disco de esponja. Não pulverizar quando estiver molhado.Evitar a luz solar direta e as correntes de ar durante o processo de endurecimento. Recomenda-se que, em áreas exteriores, cubras os revestimentos acabados de rejuntar, bem como os materiais de revestimento não absorventes, com papel de alumínio ou, se necessário, que os mantenha húmidos.   CONSUMO cerca de 0,35 kg/m² para ladrilhos de 15 cm x 15 cm aprox. 0,30 kg/m² para ladrilhos de 25 cm x 33 cm aprox. 0,50 kg/m² para mosaico 10 cm x 10 cm aprox. 0,25 kg/m² para ladrilhos 25 cm x 50 cm aprox. 1,00 kg/m² para mosaico 5 cm x 5 cm aprox. 0,20 kg/m² para mosaicos 60 cm x 60 cm   NOTAS IMPORTANTES As amostras de cor sob a forma de bastões de argamassa ou ilustrações impressas não são vinculativas. Servem apenas para orientação e são uma ajuda para selecionar a cor de betume adequada. As condições climáticas e as diferentes propriedades do material de revestimento podem influenciar o aspeto da junta. No caso de suportes absorventes e de materiais de revestimento como, por exemplo, azulejos de barro, pode ocorrer um aprofundamento da tonalidade da cor. A adequação do material de revestimento deve ser sempre verificada; recomendamos a realização de um teste de betumação. Os materiais de revestimento não absorventes devem ser aplicados preferencialmente com betumes de secagem rápida. Só começa a lavar quando a resistência da junta for suficiente. Depois, lava as juntas com o mínimo de água possível e volta a enxaguar. Proteger as superfícies recém-rejuntadas contra correntes de ar, luz solar e secagem rápida. Isto é especialmente importante no caso de revestimentos com juntas muito estreitas.   Ficha de dados técnicos em pdf.   CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS

Conteúdo: 5 kg (5,98 €* / 1 kg)

29,90 €*
Variante
Argamassa para ladrilhos para pavimentos, revestimentos e mosaicos Servoperl royal fast 5KG
Prod.-Nr.: BEN10013
Farbe: weiß
Junta de secagem rápida, flexível, repelente à água e à sujidade 5KG DESCRIÇÃO Massa de cimento para juntas de endurecimento rápido e de alta resistência, de acordo com a norma DIN EN 13888 CG 2 WA, para juntas de 1-10 mm de largura. Devido a uma estrutura de argamassa muito densa, a calda de cimento oferece valores característicos especiais no que diz respeito à capacidade de carga mecânica e à resistência à abrasão. Os cimentos especiais oferecem uma resistência significativamente maior aos agentes químicos de limpeza, em comparação com as caldas de cimento convencionais. Isto torna possível as áreas de aplicação acima mencionadas, em coordenação com o respetivo utilizador do objeto ou com o fornecedor do agente de limpeza. As excelentes propriedades de processamento e o rápido processo de endurecimento evitam que as juntas sejam lavadas.   O Servoperl royal fast não queima e pode ser utilizado em interiores, exteriores e debaixo de água. É adequado para o rejuntamento de revestimentos cerâmicos, especialmente grés, mosaico de vidro/porcelana e grés fino, em ambientes húmidos e molhados, bem como em betonilhas aquecidas ou paredes divisórias de gesso cartonado e em áreas sujeitas a grandes tensões. Em particular, os revestimentos cerâmicos não absorventes podem ser betumados de forma óptima e rápida, graças ao rápido endurecimento do Servoperl royal. Também pode ser utilizado para a betumação de revestimentos de pedra natural polida, como mármore, granito e ardósia.   Para outros tipos de pedra natural e de superfícies, consulta a tecnologia de aplicação da Kiesel. Os tons escuros só são adequados para pedras naturais uniformemente da mesma cor do tipo anteriormente mencionado. elevada capacidade de carga mecânica e resistência à abrasão para uso interior, exterior e subaquático para juntas de 1-10 mm de largura maior resistência a ácidos e álcalis elevada resistência a produtos de limpeza domésticos repelente de água e sujidade com proteção contra eflorescências maior resistência à utilização de produtos de limpeza a alta pressão listado no DGNB Navigator   PROCESSAMENTO Verifica se a superfície do revestimento é adequada e segue as instruções do fabricante do revestimento. Para obter um aspeto uniforme da cor da junta, utiliza apenas material do mesmo lote. Antes de iniciar o rejuntamento, a argamassa de assentamento deve estar bem endurecida e seca, e as juntas devem estar limpas e com uma profundidade uniforme. Mistura rapidamente o Servoperl royal com água limpa e sem grumos, até obteres uma massa de betume pastosa e de cor uniforme. Aplica a massa nas juntas, primeiro transversalmente e depois na diagonal, e preenche-as completamente. Imediatamente depois de começar a secar, lava com o disco de esponja, utilizando o mínimo de água possível. A resistência é suficiente quando a argamassa só pode ser ligeiramente pressionada com os dedos. Remover a restante película de argamassa no espaço de aproximadamente 1 hora, também com o disco de esponja. Não pulverizar quando estiver molhado. Os resíduos já espessados não devem ser misturados novamente. Evitar a luz solar direta e as correntes de ar durante o processo de endurecimento. Recomenda-se que, em áreas exteriores, cubras os revestimentos acabados de rejuntar, bem como os materiais de revestimento não absorventes, com papel de alumínio e que os mantenha húmidos, se necessário. CONSUMO aprox. 0,50 kg/m² para mosaico 10 cm x 10 cm aprox. 0,20 kg/m² para mosaicos 60 cm x 60 cm aprox. 1,00 kg/m² para mosaico 5 cm x 5 cm aprox. 0,25 kg7m² para mosaicos 45 cm x 90 cm aprox. 0,35 kg/m² para ladrilhos 40 cm x 80 cm aprox. 0,18 kg/m² para mosaicos 60 cm x 120 cm   NOTAS IMPORTANTES As amostras de cor sob a forma de bastões de argamassa ou ilustrações impressas não são vinculativas. Servem apenas para orientação e são uma ajuda para selecionar a cor de betume adequada. As condições climáticas e as diferentes propriedades do material de revestimento podem influenciar o aspeto da junta. No caso de suportes absorventes e de materiais de revestimento como, por exemplo, azulejos de barro, pode ocorrer um aprofundamento da tonalidade da cor. A adequação do material de revestimento deve ser sempre verificada; recomendamos a realização de um teste de betumação. Os materiais de revestimento não absorventes devem ser aplicados preferencialmente com betumes de secagem rápida. Só começa a lavar quando a resistência da junta for suficiente. Em seguida, lava as juntas com o mínimo de água possível e volta a enxaguar. Proteger as superfícies recém-rejuntadas contra correntes de ar, luz solar e secagem rápida. Isto é especialmente importante no caso de revestimentos com juntas muito estreitas.     Ficha de dados técnicos em pdf.   CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS

Conteúdo: 5 kg (5,98 €* / 1 kg)

29,90 €*
Cola para azulejos e ladrilhos da Kiesel ServoStar 1500 25kg
Prod.-Nr.: BEN10019
Adesivo para ladrilhos para interiores e exteriores, em paredes e pavimentos 25Kg  DESCRIÇÃO Argamassa fina de cimento flexível e modificada com polímeros, de acordo com a norma EN 12 004 C2 TE-S1, para o assentamento de ladrilhos e placas de cerâmica, grés porcelânico (interior), mosaico de porcelana, ladrilhos de clínquer e tijolo, bem como revestimentos de pedra natural resistentes à descoloração e à deformação, tanto em interiores como em exteriores. Para utilização em suportes de carga como, por exemplo, betão in situ (com pelo menos 6 meses de idade), placas de fibra de gesso, placas de gesso cartonado, betonilhas aquecidas (respeitar as normas e fichas técnicas correspondentes), mástique asfáltico, betão celular, bem como varandas e terraços. Adequado para espessuras de camada até 10 mm.Cumpre as "Directrizes para argamassas flexíveis", edição de junho de 2001 interior e exterior Grés fino em interiores elevado rendimento tempo de presa longo boa estabilidade emissões muito baixas PREPARAÇÃO DO SUPORTE O substrato deve estar pronto para ser revestido, limpo e resistente. Ao colocar em substratos que ainda estão a encolher, limita o tamanho do campo organizando juntas de movimento. Indoors Prepara substratos absorventes com Okamul GG, Okastmos® DSG, Okamu SP ou Okatmos® UG 30 . Em betonilhas com sulfato de cálcio, deixar secar pelo menos 24 horas ou utilizar Okatmos® DSG . Ao colocar material de revestimento com uma área > 0,16 m² e uma espessura de leito adesivo superior a 5 mm em betonilhas de sulfato de cálcio, aplica o primário com Okatmos® DSG ou Okapox GF . Para exteriores, aplicar o primário com Okatmos® UG 30 ou Okatmos® DSG . Em superfícies exteriores antigas e horizontais, limpas com produtos de limpeza básicos alcalinos e preparadas com Okatmos® UG 30 ou Okatmos® DSG , trabalha sempre em conjunto com um vedante ligado, por exemplo, Servoflex DMS 1K-schnell SuperTec ou Servoflex DMS 1K Plus SuperTec. PROCESSAMENTO Mistura o ServoStar® 1500 com água limpa até ficar sem grumos. Mexe novamente após cerca de 5 minutos de maturação. Em seguida, aplicar sobre o suporte com a espátula de pente adequada (ver tabela) e empurrar o material a instalar para o leito de cola e pressionar dentro de aproximadamente 30 minutos. Dependendo da absorção do substrato/revestimento, as correcções podem ainda ser feitas em cerca de 25 minutos.Em áreas exteriores ou para formatos maiores, utiliza o método combinado (colagem com manteiga e flutuação). CONSUMO   Profundidade do dente da espátula de pente    Consumo (pó)   3 mm (TKB C3) aprox. 1,0 kg/m² 4 mm (TKB C1) aprox. 1,2 kg/m² 6 mm (TKB C2) aprox. 1,8 kg/m² 8 mm (TKB C4) 2,4 kg/kg/m² 10 mm (TKB C5) aprox. 3,0 kg/m² por mm de espessura de camada aprox. 1,2 kg/m² O consumo depende, entre outros factores, do estado do substrato Folha de dados técnicos em pdf CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS

Conteúdo: 25 kg (1,60 €* / 1 kg)

39,90 €*
Enchedora autonivelante multifuncional da Kiesel ServoMulti S 110
Prod.-Nr.: BEN10040
Enchedora autonivelante multifuncional da Kiesel ServoMulti S 110 DESCRIÇÃO Massa de nivelamento universal cimentícia, modificada com polímeros, com boas propriedades de fluidez, para o nivelamento de substratos prontos a colocar em camadas de espessura até 10 mm (esticadas com areia de quartzo até 20 mm). Também é adequada para betonilhas de asfalto mastique da classe de dureza IC 10, com espessuras de camada até 5 mm.O ServoMulti S 110 é adequado como substrato para a colocação de revestimentos cerâmicos, pedras naturais e artificiais, bem como de revestimentos de pavimentos resilientes e têxteis.O ServoMulti S 110 não pode ser utilizado como pavimento utilitário ou em salas húmidas. auto-nivelamento espessura da camada de 1 - 10 mm (esticada com areia de quartzo até 20 mm) para utilização em interiores PREPARAÇÃO DO SUBSTRATO O substrato deve ser testado e estar pronto para o assentamento de acordo com VOB, Parte C, DIN 18 352, DIN 18 332, DIN 18 333 e DIN 18 365, bem como com o estado da técnica. Pré-tratar os suportes de acordo com o folheto atual da BEB "Beurteilen und Vorbereiten von Untergründen" (Avaliação e preparação de suportes), bem como o folheto TKB-8. Dependendo do tipo de substrato e da utilização posterior, aplica o primário com Okamul HD 11, Okamul GG, Okatmos® EG 20, Okatmos® DSG, Okamul PU-V fast ou Okapox GF. Respeitar as fichas técnicas dos produtos utilizados. Deve ser assegurada a formação de um sistema. PROCESSAMENTO Misturar o ServoMulti S 110 com água limpa, com um agitador elétrico, a uma velocidade máxima de 600 rpm, até ficar sem grumos. Agita novamente após aprox. 5 min. de tempo de maturação. Em seguida, aplica o material de enchimento com uma talocha de alisamento ou com um rodo. Evitar a luz solar direta e as correntes de ar durante a secagem. Em caso de dúvida, efetuar uma aplicação de teste. CONSUMO aprox. 1,5 kg/m²   Ficha técnica em pdf   CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS

Conteúdo: 25 kg (1,40 €* / 1 kg)

34,90 €*
Variante
Juntas para ladrilhos para pavimentos, revestimentos e mosaicos Servoflex F Universal-Flexfuge 20KG
Prod.-Nr.: BEN10017
Farbe: mittelgrau
Junta flexível universal Servoflex F 20KG  DESCRIÇÃO Composto cimentício para juntas, de presa rápida e repelente de água e sujidade, com componentes plásticos flexíveis para requisitos especiais, tais como elevada resistência à abrasão, elevada deformabilidade, muito bom alívio de tensões e boa aderência ao flanco. De acordo com a norma DIN EN 13888 CG2 WA. Servoflex F é adequado para a betumação de revestimentos cerâmicos em substratos dimensionalmente estáveis (em interiores e exteriores, para larguras de junta de 3-25 mm), especialmente grés fino, bem como para revestimentos de pedra natural em varandas e terraços, em fachadas, betonilhas aquecidas ou paredes divisórias de gesso cartonado e para revestimentos cerâmicos em placas de isolamento Okaphone. Graças às suas excelentes propriedades de processamento e ao seu processo de endurecimento favorável, evita a lavagem das juntas. O Servoflex F não queima e endurece de forma fiável, mesmo a temperaturas desfavoráveis. O Servoflex F apresenta uma elevada resistência a produtos de limpeza ácidos e a cargas mecânicas. para utilização em interiores e exteriores largura da junta de 3 a 25 mm endurecimento rápido elevada aderência nos flancos deformável resistente ao gelo repelente de água e sujidade inscrito no DGNB Navigator   PROCESSAMENTO Verifica se a superfície do revestimento é adequada e segue as instruções do fabricante do revestimento. Para obter um aspeto uniforme da cor da junta, utiliza apenas material do mesmo lote. Antes de iniciar o rejuntamento, a argamassa de assentamento deve estar bem endurecida e seca, e as juntas devem estar limpas e com uma profundidade uniforme.Misturar o Servoflex F com água limpa, sem grumos, até obter uma argamassa pastosa de cor uniforme, de preferência com um misturador elétrico. Para a betumação em paredes, aumenta a estabilidade, adicionando menos água. Aplicar a pasta nas juntas, primeiro transversalmente e depois na diagonal, e encher completamente. Imediatamente após a secagem, lava com o disco de esponja, utilizando o mínimo de água possível. A resistência é suficiente quando a argamassa só pode ser ligeiramente pressionada com os dedos. Remover a restante película de argamassa dentro de aproximadamente 1 hora, também com o disco de esponja. Não pulverizar com água. Não voltar a mexer os resíduos já espessados. Evitar a luz solar direta e as correntes de ar durante o processo de endurecimento. Recomenda-se que cubras os revestimentos acabados de rejuntar em áreas exteriores, bem como os materiais de revestimento não absorventes, com folha de alumínio ou, se necessário, que os mantenha húmidos.   CONSUMO aprox. 2,5 kg/m² para ladrilhos divididos 11,5 cm x 24 cmaprox. 0,5 kg/m² para ladrilhos 30 cm x 30 cm   NOTAS IMPORTANTES As amostras de cor sob a forma de bastões de argamassa ou ilustrações impressas não são vinculativas. Servem apenas para orientação e são uma ajuda para selecionar a cor de betume adequada. As condições climáticas e as diferentes propriedades do material de revestimento podem influenciar o aspeto da junta. No caso de suportes absorventes e de materiais de revestimento como, por exemplo, azulejos de barro, pode ocorrer um aprofundamento da tonalidade da cor. Verifica sempre a adequação do material de revestimento; recomendamos a realização de um teste de betumação. Os materiais de revestimento não absorventes devem ser aplicados preferencialmente com betumes de secagem rápida. Só começa a lavar quando a resistência da junta for suficiente. Em seguida, lava as juntas com o mínimo de água possível e volta a enxaguar. Proteger as superfícies recém-rejuntadas contra correntes de ar, luz solar e secagem rápida. Isto é especialmente importante no caso de revestimentos com juntas muito estreitas.   Folheto técnico em pdf   CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS

Conteúdo: 20 kg (2,25 €* / 1 kg)

44,90 €*
Massa de enchimento autonivelante universal da Kiesel Servoplan Ki 1Servoplan Ki 1
Prod.-Nr.: BEN10039
Massa de enchimento autonivelante universal da Kiesel Servoplan Ki 1Servoplan Ki 1 DESCRIÇÃO Massa autonivelante cimentícia, modificada com plástico, com uma superfície muito lisa, para nivelar e alisar suportes prontos a colocar até 20 mm de espessura.O Servoplan Ki 1 é adequado como substrato para a colocação de revestimentos cerâmicos, pedra natural e pedra artificial, bem como de revestimentos de pavimentos resilientes e têxteis e de parquet. Adequado para áreas interiores secas, sobre suportes resistentes, flexivelmente rígidos e dimensionalmente estáveis, bem como para classes de exposição à água, de acordo com a norma DIN 18534 W0-I, W1-I e W2-I, em casas de banho privadas e duches de hotel, fora da área do duche, com uma membrana impermeável colada. Também é adequado para betonilhas de asfalto mastique da classe de dureza IC 10 em espessuras de camada até 10 mm.Para aumentar a resistência à tração e à flexão, pode ser adicionado Kiesel-Armierungsfasern . autonivelante muito boas propriedades de fluidez tensão muito baixa bombeável de 1 a 20 mm de espessura de camada elevado rendimento superfície muito lisa, reduzindo assim o consumo de colas adequado sob parquet PREPARAÇÃO DO SUPORTE O substrato deve ser testado e estar pronto para o assentamento de acordo com VOB, Parte C, DIN 18352, DIN 18356, DIN 18365 e o estado da arte. Procede ao pré-tratamento dos suportes de acordo com o Código de Conduta BEB "Avaliação e preparação de suportes" ou o Código de Conduta TKB-8 em vigor. Dependendo do tipo de substrato e da utilização posterior, aplicar o primário com Okamul GG, Okamul HD 11, Bakit PV-Universal, Okatmos® UG 30, Okatmos® EG 20, Okatmos® DSG, Okamul PU-V fast ou Okapox GF. Em betonilhas com sulfato de cálcio, aplicar Okatmos® DSG, Okamul PU-V fast ou Okapox GF para espessuras de camada superiores a 10 mm.Para aproveitar ao máximo as propriedades de fluidez do composto de nivelamento, recomendamos uma maior preparação do substrato com primário. Recomendamos que apliques quantidades maiores de primário, especialmente em substratos com uma absorção muito variável.Deve ser garantida uma acumulação do sistema. APLICAÇÃO Mistura o Servoplan Ki 1 com água limpa, utilizando um agitador elétrico a uma velocidade máxima de 600 rpm, até ficar sem grumos. Agita novamente após cerca de 5 minutos de maturação. Em seguida, aplica a massa de nivelamento com uma talocha de alisamento ou com um rodo e deixa nivelar. Para espessuras de camada a partir de 10 mm, o Servoplan Ki 1 pode ser esticado com areia de quartzo (granulometria 0,6 - 1,2 mm).Se for necessário, o reenchimento deve ser efectuado com água sobre água, depois de a superfície estar pronta para o tráfego pedonal; caso contrário, aplica novamente o primário com Okamul GG, Okamul HD 11, Okatmos® UG 30, Okatmos® EG 20 ou Okatmos® DSG. Evitar a luz solar direta e as correntes de ar durante a secagem.Para reforçar/reforçar com fibras de reforço Kiesel, mistura primeiro o composto de nivelamento como descrito acima. Em seguida, misturar homogeneamente o conteúdo de um saco de fibras de reforço Kiesel por saco de massa de nivelamento. Após o tempo de maturação, agita novamente o material de enchimento e aplica-o com uma talocha de alisamento. CONSUMO cerca de 1,4 kg/m² por mm de espessura de camada.   Ficha técnica em pdf   CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS

Conteúdo: 20 kg (1,75 €* / 1 kg)

34,90 €*
Oka DK Adesivo de vedação sem solventes e sem silicone
Prod.-Nr.: BEN10116
DESCRIÇÃO Oka DK é um adesivo de selagem elástico, pronto a usar, de 1 componente, à base de SMP, com uma aderência inicial e resistência final extremamente elevadas. Oka DK adere a todos os substratos comuns na indústria da construção, tais como poliestireno, madeira, pedra, gesso, bem como PVC, metal e outros substratos adequados. A Oka DK é adequada para a impermeabilização em combinação com as nossas fitas de vedação, cantos interiores e exteriores, mangas de vedação "parede" e "chão", membranas de vedação, bem como com as nossas massas de impermeabilização líquidas Okamul DF, Servoflex DMS 1K Plus SuperTec, Servoflex DMS 1K-schnell SuperTec e Okamul PU-FCA e para a impermeabilização de peças embutidas. sem solventes e sem silicone quase inodoro impermeável para a colagem de mangas de vedação Kiesel, de folhas de vedação ou de fitas de vedação em peças embutidas de metal, plástico e outros substratos adequados emissão muito baixa não corrosivo   PREPARAÇÃO DO SUBSTRATO   Todos os substratos de construção padrão são adequados, com exceção de PE, PP, PTFE, silicone e betume. O substrato deve ser resistente e adequado para a aplicação pretendida. Os substratos de metal e plástico devem ser lixados mecanicamente e depois limpos com acetona. Os suportes absorventes podem ser preparados com os nossos primários. Todos os suportes podem estar ligeiramente húmidos, mas devem estar limpos, resistentes e isentos de pó e gordura. Não é adequado para pedras naturais e espelhos. Não é adequado em combinação com cloreto (piscinas).   APLICAÇÃO Aplicar a cola de vedação Oka DK sobre o suporte existente com uma pistola de cartucho e alisar com uma talocha de alisamento até ficar livre de vazios de ar. Em superfícies maiores, pentear a cola sobre toda a superfície do substrato com uma talocha de pente adequada, por exemplo, com 4 mm de dente, e aplicar os acessórios do sistema a colar, que consistem nas fitas de vedação, mangas ou membrana de vedação acima referidas, no espaço de 5 minutos e pressionar com o lado liso da talocha dentada sob pressão. Deve evitar-se a formação de bolsas de ar. No caso de utilização como enchimento de juntas, aplicar o material na junta preparada (p. ex., cordão de enchimento), puxar imediatamente e alisar com agentes de alisamento adequados   CONSUMO aprox. 1,5 kg/m² por mm de espessura de camada / para juntas aprox. 290 ml/7,5 rm

Conteúdo: 0.29 Liter (51,69 €* / 1 Liter)

14,99 €*
Variante
Película de selagem líquida Película de selagem de chuveiro Película de espalhamento para pavimentos e paredes Okamul DF
Prod.-Nr.: BEN10036
Farbe: hellgaru | Inhalt (kg): 4 Kg
Okamul DF Película de impermeabilização líquida para pavimentos e paredes DESCRIÇÃO Película de selagem líquida, pronta a usar, de secagem rápida e sem solventes, para selar superfícies de paredes e pavimentos interiores em ambientes húmidos e molhados sob revestimentos cerâmicos e de pedra natural. Isto inclui superfícies de pavimento em casas de banho sem escoamento do pavimento com bases de duche ou banheiras e superfícies de parede em salas sanitárias em áreas públicas e comerciais com escoamento do pavimento sem exposição química. Dependendo da classe de exposição à água, os substratos adequados incluem placas de gesso para paredes (DIN EN 12859), placas de gesso e placas de fibra de gesso (DIN DIN 18180 resp. DIN EN 520 e DIN EN 15283-2), rebocos (DIN EN 998-1) dos grupos de argamassa CS II + III + IV, betão (DIN EN 206), placas de betão celular (DIN 4166), placas de parede oca de betão leve (DIN 18148) ou betonilhas de cimento, sulfato de cálcio e mástique asfáltico (DIN EN 1383 e DIN 18560). As especificações da norma DIN 18534 e o boletim técnico da Fachverband Fliesen und Naturstein (FFN) sobre o tema "impermeabilização colada" servem de orientação para a execução dos trabalhos de impermeabilização. Estas instruções devem ser respeitadas. Na combinação de produtos com as argamassas colantes Kiesel, as fitas de impermeabilização Kiesel (Basic) e as mangas de impermeabilização Kiesel listadas, existe um "Certificado de Teste de Inspeção Geral de Edifícios" do Instituto de Teste de Materiais para a Indústria da Construção TU Braunschweig.Servofix KM-F Plus Servoflex K-Plus SuperTec ServoStar® 5000 ServoStar® 2000 Plus Flex ServoStar® 1500 PREPARAÇÃO DO SUBSTRATO O substrato deve estar seco, limpo, suportar cargas e ser adequado à classe de exposição à água em questão. Prepara os substratos absorventes com Okamul GG, Okatmos® DSG ou Okatmos® UG 30. APLICAÇÃO Aplica Okamul DF com pincel, rolo de pele de cordeiro ou espátula. Após a secagem da primeira demão, deve ser aplicada pelo menos uma segunda demão de cor contrastante (cinzento claro/cinzento escuro) para garantir uma vedação segura. A espessura mínima da película húmida para duas aplicações é de 0,7 mm. A verificação da espessura da película húmida requerida deve ser assegurada através de consumo ou de um pente de medição. Para evitar fissuras nas áreas de canto, embute a fita de vedação Kiesel (Basic) ou os cantos de vedação Kiesel (Basic) no interior/exterior, e para vedar passagens de tubos e drenagem de pavimentos, embute os colares de vedação Kiesel "Parede" e "Pavimento" na primeira aplicação ainda fresca e cobre completamente com a segunda aplicação. Sobrepõe as juntas em pelo menos 5 cm. Em peças de instalação feitas de metal e/ou plástico adequado, a cola de vedação Oka DK pode ser usada para colar as mangas de vedação. Em substratos porosos, é necessário efetuar previamente os trabalhos de nivelamento ou de preenchimento de riscos. Caso contrário, deve ser tido em conta um consumo adicional de, pelo menos, 25 % para garantir a espessura mínima da película seca. CONSUMO Pelo menos 1,0 kg/m² para duas demãos em suportes lisos.  

Conteúdo: 4 kg (8,73 €* / 1 kg)

34,90 €*
Variante
Primário Primário para azulejos Primário de dispersão pronto a usar Sem solventes Okamul GG
Prod.-Nr.: BEN10069.1
Inhalt (kg): 1 Kg
DESCRIÇÃO Primário isento de solventes (segundo TRGS 610) para consolidar e favorecer a aderência sobre suportes de gesso, cimento-cal e cimentícios, betonilhas minerais e betão celular antes de trabalhos de nivelamento, aplicação de impermeabilizações coladas ou de ladrilhos de camada fina e média em interiores.Okamul GG reduz a absorção de suportes muito absorventes e evita que as colas para ladrilhos se queimem, prolonga o tempo aberto e contribui assim para uma maior segurança de assentamento. para suportes absorventes sem solventes pode ser diluído até 1 : 2 boa penetração boa aderência para uso interior PREPARAÇÃO DO SUPORTE O suporte deve estar seco, absorvente, limpo e resistente. APLICAÇÃO Aplica Okamul GG não diluído no substrato com um rolo de pele de cordeiro, pincel ou similar. Em substratos cimentícios, por exemplo, betonilha de cimento e betão, Okamul GG pode ser diluído com água numa proporção de mistura de até 1:2 antes de colocar azulejos ou trabalhos de impermeabilização para aglutinar o pó. Utiliza sempre o produto não diluído sob as massas de nivelamento. Não iniciar os trabalhos de enchimento ou assentamento até que estejam completamente secos. CONSUMO aprox. 50-100 g/m² consoante o suporte   CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS

12,90 €*
Primário Tile Primer Primário de dispersão pronto a usar, sem solventes Okamul SP
Prod.-Nr.: BEN10068
DESCRIÇÃO Okamul SP é um primário em dispersão, pronto a usar e isento de solventes, para a colagem sobre suportes de gesso, cimento-cal e cimentícios, betonilhas minerais e betão celular, antes dos trabalhos de nivelamento, aplicação de impermeabilizações coladas ou colocação de azulejos de camada fina e média em áreas interiores. Okamul SP evita que as colas para azulejos queimem em suportes muito absorventes, prolonga o tempo de abertura e aumenta a segurança da impermeabilização. para suportes absorventes pronto a usar sem solventes elevada força de ligação para uso interior PREPARAÇÃO DO SUBSTRATO O substrato deve ser absorvente, suportar cargas e estar pronto para ser revestido. APLICAÇÃO Agita bem o Okamul SP e aplica-o com uma escova, rolo de pele de cordeiro ou equipamento de pulverização adequado, de forma generosa e uniforme, não diluído no substrato. Evita poças e camadas espessas. O primário deve ter um acabamento mate e estar seco. Recomenda-se uma aplicação experimental para verificar a absorção. CONSUMO aprox. 100 - 150 g/m²   CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS

Conteúdo: 10 kg (6,69 €* / 1 kg)

66,90 €*
Variante
Primário Tile Primer Primário de dispersão pronto a usar, sem solventes Okatmos DSG
Prod.-Nr.: BEN10115.1
Inhalt (kg): 5 Kg
DESCRIÇÃO Primário de resina de reação higienizante e barreira à humidade1), sem solventes (segundo TRGS 610), com elevada aderência ao suporte pré-tratado. Utiliza-se em suportes absorventes e não absorventes, antes da aplicação de impermeabilizações coladas, de ladrilhos de camada fina e antes do trabalho com espátula para a instalação de revestimentos têxteis/elásticos e parquet. Okatmos® DSG pode ser utilizado como primário de bloqueio à base de resina de reação de 1 componente em suportes cimentícios não aquecidos, tais como betonilhas de cimento ou betão, para bloquear a humidade excessiva antes do nivelamento, bem como em revestimentos elásticos/têxteis e parquet a colar: - em betonilhas de cimento não aquecidas com uma humidade residual até 3 CM-% (85 % rH)=aplicação em 2 camadas 4 CM-% (90 % rH)=aplicação em 3 camadas - em substratos de betão não aquecidos (também em betonilhas de cimento) com uma humidade residual, medida segundo o método de secagem em estufa, até 4,5 % em peso (90 % rH)=aplicação em 2 camadas 6,0 wt.% (95 % rH)=aplicação em 3 camadas Okatmos® DSG pode ser utilizado como primário de bloqueio à base de resina de reação de 1 componente para a colocação de revestimentos cerâmicos de grande formato em betonilhas de fluxo de sulfato de cálcio contra a humidade de materiais de assentamento cimentícios de endurecimento normal: - em betonilhas de sulfato de cálcio com aplicação em 2 camadas, sem limitação da espessura da camada dos compostos siliciosos cimentícios de nivelamento/materiais de instalação. Okatmos® DSG também é adequado para a aplicação de primário em substratos de madeira e em substratos lisos, densos e não absorventes, tais como azulejos antigos, pedra natural, revestimentos de blocos de betão, antes de trabalhos de nivelamento ou de colocação de ladrilhos finos. Okatmos® DSG pode ser utilizado no exterior sobre suportes minerais e sobre revestimentos cerâmicos antigos bem aderentes. Não é adequado para colas de lixiviação de sulfito, magnésia e betonilhas de madeira de pedra.Apoia a higiene do habitat através de propriedades de prevenção de odores. A utilização de Okatmos® DSG não substitui qualquer impermeabilização necessária ou exigida. não necessita de cola de secagem rápida para o assentamento de grandes formatos sobre betonilha de sulfato de cálcio para substratos absorventes e não absorventes secagem rápida higiénico elevada aderência para utilização em interiores, exteriores e debaixo de água para a vedação contra o aumento da humidade1) em suportes de cimento não aquecidos Proteção da betonilha de sulfato de cálcio contra a humidade penetrante não há limitação de formato quando utilizado em betonilhas de sulfato de cálcio listado no DGNB Navigator 1) Não substitui a impermeabilização de componentes de construção em contacto com o solo de acordo com a norma DIN EN 18533 e a impermeabilização de interiores DIN 18534 PREPARAÇÃO DO SUPORTE O suporte deve estar seco, limpo e resistente. Remover completamente os resíduos de cola de betume e as partes frágeis ou soltas por meios mecânicos. Para além disso, , os respectivos suportes têm de estar em conformidade com as normas e regulamentos aplicáveis . O respetivo substrato deve ser testado de acordo com as normas aplicáveis e, em caso de defeitos, devem ser levantadas questões. PROCESSAMENTO Okatmos® DSG é aplicado sem diluição em substratos de madeira e substratos não absorventes com um rolo de pele de cordeiro ou pincel. Em substratos absorventes, Okatmos® DSG é sempre diluído 1:1 com água para a primeira aplicação. Após a secagem, aplica uma segunda ou terceira demão não diluída para obter um primário de barreira. A terceira demão é aplicada quando a segunda tiver secado. A quantidade de consumo é de aprox. 120-130 g/m² para a aplicação não diluída e aprox. 60-70 g/m² para a aplicação diluída.Deixar secar bem o primário aplicado.Aplicar Okatmos® DSG com o rolo de primário Kiesel uniformemente sobre toda a superfície e preencher os poros. Evita a formação de poças. CONSUMO aprox. 150 g/m² em substratos não absorventesaprox. 60-70 g/m² quando diluído com água em MV 1:1 aprox. 120-130 g/m² quando utilizado sem diluição   PROPRIEDADES TÉCNICAS

Conteúdo: 5 kg (23,98 €* / 1 kg)

119,90 €*